Escondidos em bairros regulares, as casas de assistência residencial fornecem atendimento de custódia não médica para adultos idosos. Normalmente, em residências unifamiliares, as casas de repouso geralmente atendem entre dois e dez pacientes, dependendo da capacidade do residencial. Eles oferecem um ambiente familiar para pessoas que precisam de vida assistida, mas podem ser intimidadas por comunidades maiores.

O que é um residencial de idosos?

Também chamada de casas de repouso e de assistência, casas de família para adultos e instalações de cuidados residenciais para idosos, essa é uma opção de moradia e assistência para pessoas que não têm necessidades médicas especializadas, como um tubo de alimentação ou injeções diárias. Geralmente, uma casa de repouso oferece o seguinte:

  • Um quarto privado ou compartilhado
  • Refeições
  • Níveis variados de assistência nas atividades da vida diária, como higiene, banho e até mesmo gestão de dinheiro e assistência médica
  • Cuidados de custódia, como lavanderia, serviço de limpeza e transporte para consultas médicas
  • Lembretes para tomar medicamentos ou administração real de medicamentos.

As casas de famílias adultas são maravilhosas para pessoas que procuram um ambiente de casa menor. Eles comem refeições caseiras na cozinha, há geralmente uma varanda frontal ou traseira e um jardim, com muito cuidado e interação social entre os idosos.

A casa de repouso residencial para idosos terá um suporte personalizado e muita segurança

A atmosfera familiar é estimulada por uma alta proporção de funcionários / pacientes, que em deve ser maior que a mesma proporção em um lar de idosos ou em uma comunidade de vida assistida. Na maioria das vezes, há um cuidador para cada três ou quatro residentes. Se sua mãe está em um lar de idosos e não consegue andar sozinha, pode levar de 30 a 45 minutos para que alguém cuide dela depois que ela aperta o botão de chamada em um lar “tradicional”.

Para um idoso que é muito ativo, porém, uma casa de repouso pode não oferecer estímulo suficiente. Uma comunidade de vida assistida maior tem uma gama mais ampla de atividades sociais, como aeróbica no local ou passeios a eventos próximos. Um lar para idosos é mais adequado para um adulto mais frágil que pode se beneficiar de mais cuidados individuais.

Além de todo esse atendimento, haverá adaptações, câmeras, sistemas de controle de entrada e saída de pacientes, e mais.

Escolhendo residencial para idosos

Um residencial para idosos vai proporcionar um bom ambiente para que eles possam ter qualidade de vida e mais segurança. (Foto: Realty Biz News)

Legislação para residencial de idosos

A pesquisa de potenciais lares familiares de adultos para entes queridos é complicada pelo fato de não haver padrões federais para essas comunidades. Cada estado segue seus próprios regulamentos e regras de licenciamento, e alguns estados não têm padrões estabelecidos. Todos devem respeitar, no entanto, o estatuto do idoso.

Como é o atendimento em um residencial para idosos?

Assim como todas as casas de um quarteirão são diferentes, as casas de repouso não têm o mesmo estilo. Alguns são modestos, enquanto outros apresentam lustres de cristal e bancadas em granito. Depende de como os residentes em potencial estão vivendo suas vidas. Eles ficarão mais confortáveis ​​em uma casa como estão vivendo.

As casas de famílias adultas são administradas por todos os tipos de indivíduos, desde enfermeiros a imigrantes recentes. Às vezes, o proprietário mora na instalação, enquanto outros são administrados como um negócio com turnos de cuidadores. Eles geralmente têm supervisão de enfermagem, mas a enfermeira não está no local o tempo tod. Como os lares de idosos variam muito, é vital avaliar as necessidades do futuro residente, decidindo se eles precisam de atenção permanente da equipe, por exemplo. Também é importante visitar várias casas, comparando e contrastando para encontrar o melhor ajuste.

Quanto custa um residencial para idosos?

O preço para viver em uma comunidade de cuidados residenciais geralmente é metade do custo dos cuidados em lares de idosos e, em alguns estados, é ainda mais acessível do que em ambientes de cuidados comunitários. Embora os preços variem bastante, os cuidados são mais ou menos os mesmos, começando por dois salários mínimos e aumentando de acordo com a complexidade da situação do idoso, região, e qualidade do atendimento que será dado ao idoso.

Algumas apólices de seguro de assistência de longo prazo pagam pelos custos da casa de assistência residencial. Alguns seguros ajuda, a pagar por cuidados médicos e de longo prazo para pessoas com baixa renda, geralmente cobre taxas para pessoas que não podem arcar com os custos dos cuidados privados.

Este tipo de lar residencial é adequado para muitos adultos idosos. Muitos deles podem prestar assistência até o final de uma vida e ajudam os residentes a sentirem que estão vivendo em suas próprias casas. Vale lembrar que como o residencial tem um atendimento mais personalizado, os custos são mais altos que um lar, asilo, ou casa para idosos.

Ficou alguma dúvida? Deixem nos comentários suas perguntas e iremos responder!

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)