Idosos com necessidades complexas de saúde podem se beneficiar de um especialista. Muitos idosos têm múltiplas condições crônicas de saúde. Tratamentos para um problema podem afetar facilmente outros aspectos de sua saúde e piorar sua qualidade de vida. O gerenciamento dessas situações complexas de saúde é onde geriatras (geriatras) podem ser especialmente úteis.

O que é um médico geriatra?

Um médico geriatra é alguém especializado em cuidar de pessoas com 65 anos ou mais. Eles também são referidos como geriatras.

Eles são médicos de medicina interna ou familiar que têm anos de treinamento extra em áreas relacionadas a cuidados com idosos.

O treinamento adicional lhes dá mais experiência com condições como doenças cardíacas, artrite, osteoporose, problemas de mobilidade ou Alzheimer e demência.

Os geriatras podem ser médicos de cuidados primários, fornecer consultas ou trabalhar como parte da equipe médica de um idoso.

Qual é a diferença entre um médico que cuida de idoso e um médico normal?

Médicos geriátricos têm mais experiência com condições que são comuns em idosos e com pessoas que têm múltiplas condições crônicas.

Eles também têm uma melhor compreensão de como os corpos mais velhos respondem a diferentes tratamentos.

Médicos de medicina interna ou familiar são mais propensos a ver pacientes entre 30 e 60 anos de idade. Ao tratar um idoso, esses médicos podem ter que fazer suposições com base em sua experiência com pacientes mais jovens.

Sua falta de experiência com corpos que estão envelhecendo também pode levá-los a recomendar tratamentos mais agressivos que podem não funcionar tão bem para pacientes mais velhos.

É semelhante a como os pediatras são médicos especializados em cuidar de crianças. Durante toda a vida, alguém poderia começar com um pediatra, mudar para um médico de medicina interna e depois mudar para um geriatra.

Escolhendo um geriatra

O geriatra certo cuidará do idoso da melhor maneira para proporcionar os cuidados rumo a uma melhor qualidade de vida do idoso. (Foto: A Place for Mom)

O que faz um médico geriatra e como os idosos se beneficiam?

Os médicos geriatras se concentram na qualidade de vida e no que os pacientes desejam de seus cuidados médicos.

Eles passam mais tempo em cada consulta e coletam mais informações do que um médico de medicina normal. Eles perguntam sobre estilo de vida, comunidade, família e recebem o histórico médico completo de seu idoso.

Geriatras também se concentram em ajudar idosos e famílias, descobrindo suas prioridades para a saúde, criando planos de cuidados, revisando e gerenciando todos os medicamentos, coordenando os cuidados com outros provedores de saúde, fornecendo cuidados paliativos e de fim de vida.

Além disso, saber sobre as diferenças entre os corpos mais velhos e os corpos de meia-idade ajuda os geriatras a escolher tratamentos que funcionem melhor para os idosos.

Geriatras entendem os problemas que geralmente afetam os idosos. A maioria dos médicos de cuidados primários não gasta tempo suficiente para descobrir e resolver problemas que afetam os adultos mais velhos.

Quedas, incontinência, fraqueza muscular, fragilidade, fadiga, comprometimento cognitivo e delirium têm um enorme impacto na qualidade de vida. Os geriatras são especialistas nessas “síndromes geriátricas”. Se você está perdendo peso, você está caindo, você não pode subir um lance de escadas, está cansado o tempo todo, você está infeliz e está com 10 ou mais medicamentos, vá ver um geriatra. Muito do que eles fazem é se livrar de tratamentos prescritos por outros médicos que não estão funcionando.

Qual a idade para procurar um geriatra?

Se o médico atual tiver bastante experiência com as condições de saúde deles e você estiver satisfeito com os cuidados que ele oferece, não há necessidade de fazer uma alteração.

Os idosos podem se beneficiar ao procurar um geriatra se tiverem problemas de saúde complexos, como Alzheimer ou demência, ou acharem que seu médico atual não está prestando atenção suficiente a seus problemas de saúde, prescrevendo medicamentos demais ou não têm uma visão holística ao fazer recomendações de tratamento.

Geriatras podem se aprofundar mais para descobrir se um problema é causado por uma doença ou lesão não relacionada à idade, em vez de apenas assumir que é devido à idade.

Como eles são mais completos e têm mais experiência com corpos mais velhos, você pode ter mais confiança de que o diagnóstico deles é preciso.

Como encontrar um médico geriatra?

Para encontrar um geriatra em sua área, use a internet, amigos e familiares. Pesquise sobre a atuação e formação do geriatra. A geriatria é uma das especialidades médicas mais raras, portanto pode não haver um geriatra em sua área. A próxima melhor coisa é encontrar um médico que tenha experiência em cuidar de adultos mais velhos.

Para garantir que o médico que você está pensando realmente tenha o tipo de experiência que seu adulto mais idoso precisa, peça mais informações. Por exemplo, você poderia perguntar:

Eles receberam treinamento adicional em geriatria?

Como eles abordam cuidando de idosos de maneira diferente do que para pacientes de meia-idade?

Existem medicamentos que eles evitam usar com adultos mais velhos?

Em uma consulta, o novo médico deve rever todos os medicamentos de seu idoso, perguntar sobre suas condições de saúde e perguntar sobre suas metas de atendimento.

Com base em suas respostas e no que você observa no agendamento, você terá uma boa ideia se eles consideram seriamente os idosos ou se os consideram basicamente iguais aos de meia-idade.

Ficou alguma dúvida? Deixem as perguntas nos comentários!

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)